O ano não vai ser novo se você não mudar!

São as nossas atitudes que transformam nossa vida e o mundo em que vivemos.

Como dizia Gandhi, seja a transformação que você quer ver no mundo.

E as vezes precisamos ver o mundo de um jeito único. Ao se conhecer, saber quem é você,  o que realmente importa, o que te faz feliz de verdade, você pode colorir, não apenas o seu dia, mas de tudo ao seu redor.

Fizemos uma pequena coletânea de frase do professor Leandro Karnal, para falar do ano novo.

A vida deve ser administrada como bonsai e não como agronegócio, a administrada a folha a folha, raiz a raiz. Esta é uma forma que não é poética, ela é prática.

Depende de mim para acabar com essa tradição Brasileira de tirar de si a responsabilidade.

Construir-se é fundamental, como na bela imagem de uma escultura americana chamada Bobbie Carlyle, um homem que está cumprindo suas próprias pernas. Frase fundamental: eu sou sócio majoritário da minha existência e o resultado da minha vida depende de mim.

A diferença entre existir e viver está na sua consciência. Tudo existe, inclusive as pedras. Só os seres humanos vivem e a diferença está na consciência.

O Brasil é um horror, sim, mas a Siri está pior. O Brasil está melhor que a Síria, mas tá pior que a Dinamarca. E qual a diferença entre sírios brasileiros e dinamarqueses? O esforço que as pessoas nesses lugares fizeram para construir um lugar que seja o mais longe possível do inferno (…) tudo isso é ação humana, tudo pode ser transformado.

Seres humanos mudam. Há 30 anos ninguém nessa sala usava cinto de segurança, todos andávamos sem cinto. Não havia cadeirinha para criança e quando os pais freiavam as crianças eram atiradas como uma catapulta, de um lugar para outro. Ninguém usava cinto e hoje quase todos usam.

Eu não tenho poder para mudar o Brasil, mas eu tenho poder para mudar a mim, minha família e o meio ambiente, meu local de trabalho. Eu não posso salvar o planeta, provavelmente, sozinho. Mas eu posso ser com ecológico na minha casa reciclando lixo, Eu não vou melhorar o trânsito caótico de São Paulo, mas eu posso dirigir como cidadão, para Pelo menos eu não piorar com a minha contribuição. Eu não vou resolver questões históricas, mas eu vou resolver questões muito práticas. Como dizia Gandhi seja a transformação que você quer ver no mundo.

Posts Relacionados

Nenhum resultado encontrado.
Menu