DSS – Transporte e movimentação de cargas

O movimentação de carga é uma das formas de trabalho mais antigas e comuns do mundo.

As formas de movimentação são ditadas não só pelo tamanho ou dimensões das cargas, como também seus pesos, urgências no deslocamento das mesmas ou necessidades outras como a de conexão entre seus vários componentes.

Os riscos associados ao transporte de cargas podem significar perdas às pessoas, às próprias cargas transportadas ou a bens patrimoniais. Quando se menciona movimentação de cargas, quase sempre se associa a atividade a ambientes industriais, onde as cargas passam a ser enormes equipamentos, que precisam ser movidos por várias razões e meios.

Quanto maior for a carga, seja quanto ao peso e quanto ao volume maiores deverão ser os cuidados necessários tanto no transporte quanto na movimentação, certas cargas por terem grande comprimento, podem atingir pessoas que se encontrem próximas ou se aproximam inesperadamente.

Basta que o planejamento seja mal executado para que a probabilidade de ocorrência de acidentes cresça exponencialmente. Isso costuma ocorrer quando a empresa não possui a adequada cultura de segurança, quando as atividades são realizadas “para  ontem” e quando há improvisos. Somente estes três itens citados já seriam responsáveis por mais de 60% das ocorrências de acidentes.

Muita atenção, pois a atividade de transporte e movimentação de carga é perigosa e pode apresentar complexidades que aumentam o grau de risco.

Projeto RH GOLIN

Amanda S.C. Fernandes – Gerência RH
Luciana Germano – Conteúdo Institucional
Márcia Borlenghi – Design, revisão e curadoria conteúdo cultural

, , , ,

Posts Relacionados

Menu